Segundo Expedia, 57% dos viajantes tem mais probabilidade de reservar uma viagem através das OTAs do que antes da Covid-19

A Expedia, um dos líderes globais de viagens, fez uma pesquisa recentemente mostrando a importância das OTAs (Online travel agency) para a retomada do turismo nos Estados Unidos.

3 minutos de leitura

A Expedia, um dos líderes globais do setor de turismo, com aproximadamente U$ 107B em reservas realizadas no ano de 2019, que atua no segmento de OTAs, com marcas como Expediaa TAAP e Hotels.com e no setor corporativo com o a Egencia, fez uma pesquisa recentemente nos EUA que mostra como a Covid-19 alterou os padrões dos viajantes e o papel da OTA na retomada.

Vamos deixar claro, que com quase 90% das suas receitas provenientes de OTA, a Expedia tem um claro viés de confirmação, portanto, é bom avaliar com parcimônia, o relatório completo que pode ser lido aqui.

Outro ponto importante, é que a pesquisa representa o cenário e os hábitos da população norte americana, segundo apurado na metodologia, foram entrevistados 1900 viajantes norte americanos que realizaram uma viajem entre novembro de 2019 e fevereiro de 2020.

De todo modo, é claro que a Covid-19 está criando novos hábitos digitais na população, e seria de certo modo, até pretensão do setor, achar que só o turismo  não seria “impactado” com estes novos hábitos.

Vamos aos principais highlights da pesquisa:

Preferências dos viajantes

  • Viajantes possuem 57% mais probabilidade de comprar através de uma OTA agora do que antes da Covid-19;
  • Mais de 2 terços dos viajantes disseram que o valor é o mais importante fator em uma decisão de reserva;
  • Dois de três viajantes usam OTAs para planejar ou pesquisar sua viagem;

Comportamento dos viajantes

  • Viajantes domésticos que realizam suas viagens através das OTAs gastam 16% mais por viagem e 5% mais no hotel dos que viajam diretamente;
  • Viajantes domésticos que realizam suas viagens através das OTAs ficam em média 5 noites no destino, contra 4 noites de quem reserva direto;
  • Viajantes domésticos são bons para a comunidade, gastam 12% mais em refeições e bebidas, 6% mais em atividades e 27% mais em aluguel de carros;

OTAs são responsáveis por 25% da receita do turismo dos EUA

Em 2019, OTAs contribuíram com $278B, ou aproximadamente 25% de $1,1T do setor de turismo dos EUA, antes da Covid-19, a indústria de turismo norte-americana era responsável por contratar um empregado a cada 15 empregos.

Retomada das viagens a trabalho

Ainda sobre a retomada das viagens a trabalho, de acordo com pesquisa realizada pela Egencia, braço de vendas corporativas da Expedia, 9 entre 10 empresas acredita que a força de trabalho irá voltar a viajar normalmente apenas em janeiro de 2021, e que uma interessante tendência que surgiu da Covid-19 é a “flexcation“, uma extensão de viagem que proporciona benefícios de feriado e práticas de trabalho remoto. 4 de 10 viajantes responderam que gostaram deste tipo de viagem.

Top razões dos viajantes escolherem OTA

  • 69% dos viajantes acreditam que pegam as melhores tarifas;
  • 40% responderam que pegam os melhores quartos;
  • 35% optam por pesquisar vários conteúdos em apenas um lugar;

E aí, concordam? Acha que o cenário brasileiro o comportamento é parecido, ou a importância das OTAs é algo exclusivamente da população norte-americana?

 

 

Marcelo Linhares
Autor: Marcelo Linhares

Marcelo Linhares é um dos fundadores da Onfly, possui mais de 10 anos de experiência em marketing digital e varejo omnichannel, nos últimos 2 anos estudou o mercado de viagens e percebeu que as agências tradicionais trabalhavam da mesma forma há 20 anos, e resolveu criar a Onfly para transformar este mercado. Ele está sempre disponível no e-mail marcelo@onfly.com.br

Deixe seu e-mail e receba em primeira mão dicas de viagens corporativas

Só conteúdo supimpa, acredite ;-)

    Prometemos não enviar qualquer tipo de spam.


    Outros artigos
    Otimize sua gestão de viagens
    Clique aqui e baixe sua planilha de RDV
    Descubra o que nenhuma agencia de viagens corporativas quer te contar